XADREZ É CLÁSSICO E ATEMPORAL

terça-feira, 29 de maio de 2018


Hey seus lindos! Como é bom estar com vocês por aqui! E quem não me segue ainda no insta: CLIQUE AQUI estou por lá diariamente! 😉
Hoje trouxe uma matéria sobre uma estampa que é um clássico, super atemporal e que amo! Tenho várias em meu closet, o xadrez!
Existem inúmeras padronagens e hoje vou falar de 4 delas, Príncipe de Gales, Tartan, Vichy e Bufallo check.

Como disse no titulo o xadrez é um clássico e nunca sai de moda! 
No inverno é que ele fica mais em evidência, pois combina super com os looks invernais. Com o tempo foi ganhando outros tipos de padronagens e materiais, e por esse motivo ele não precisa estar necessariamente em alta para arrasar no look.
Quem acompanha as tendências e quer estar na moda e saber o que anda surgindo por aí, separamos 4 dessas tendências em xadrez que estão em alta, e que terá facilidade em encontrar nas lojas por ai. 

1 – Príncipe de Gales foi popularizado pelo Príncipe de Gales ( título dado ao filho mais velho do Rei da Inglaterra), Eduard VII.
Inicialmente foi usado pela Condessa Seafield, em suas vestes para caçada, no início do século XIX. O nome deste xadrez vária em alguns países. Na Áustria é chamado de Esterhazy, na Inglaterra é conhecido como Glen Check e em Portugal e França como Prince de Galle.
Esta padronagem é considerada elegante e clássico, e é muito usado na alfaiataria, originalmente vem do guarda-roupa masculino, e é considerado sóbrio por ter cores neutras, como no PeB, cinza, marrom e bege.


*Foto: Google

2 – Tartan A título de exemplo, podemos mencionar o uso frequente desta estampa em kilts, indumentária típica escocesa. É exatamente aquele xadrez do kilt, ou seja, saiote Escocês.
Usado durante o século XX, a princípio, era usado somente em ternos e casacos masculinos, mas logo tornou-se popular para as mulheres em costumes, mantôs, xales, saias, vestidos e na década de 60 também passou a ser usado em calças femininas.
É um tecido de lã de trama fechada, gramatura leve e possui padrões diferentes usados para identificar os clãs da Escócia.
O tecido possui listras diferentes que se cruzam criando desenhos em xadrez de várias larguras.

 *Foto: annynha castroo

*Foto: Google

3 – Vichy apareceu no street style como uma forma de brincar com texturas e ilusões de ótica. O desenho surgiu na década de 1950 e foi eternizado nos looks de Brigitte Bardot, especialmente em seu vestido de casamento com o ator Jacques Charrier.
A padronagem surgiu na cidade francesa de mesmo nome, e desde o ano passado tem despertado o interesse das fashionistas dentro e fora das passarelas.
A diferença deste xadrez para os demais é que é simplificado, com uma divisão clara entre as cores e espaçamentos bem definidos.
Lembra uma toalha de piquenique.

 Foto: Cool Flat Lay



4 – Bufallo check Mais grosseiro, esse xadrez tem em sua estampa, quadrados grandes que misturam preto ou vermelho em sua composição. A padronagem é bem tradicional e encontrada em camisas flaneladas, também pode ser encontrada em tecidos leves e fluidos combinada à tons utilitários e mais vivos.
Ele é como se fosse uma versão do xadrez vichy, mas ao invés de ter a base branca, ele tem a base preta, e sempre combinando com uma segunda cor.

Foto: Cool Flat Lay

E ai me contem!! Gostaram?
Em breve volto com mais alguns tipos de xadrez!!
bjs

SIGAM O ANNYNHA CASTRO NAS REDES:
 INSTAGRAM | FACEBOOK | PINTEREST | YOU TUBE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário e volte sempre!
Beijinhos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...